Mulher é assassinada e tem filha brutalmente retirada do seu ventre em SC.

Flávia Godinho Mafra de 24 anos, natural de São João Batista e residente em Canelinha estava grávida de 36 semanas. Em última postagem na rede social, dizia estar ansiosa pela chegada da filha.

Na tarde desta quinta-feira (27), a vítima foi atraída por uma amiga, com o propósito original de ir à um chá de bebê feito por mais amigas. Ao chegar no local, uma cerâmica desativada, Flávia se descuida e vira de costas e é apunhalada com tijoladas.

Após matar a amiga, Rozalba Grimm, principal suspeita do assassinato, corta a barriga de Flávia com um estilete e retira a criança a força. Com a brutalidade, a criança acabou sendo ferida pelo estilete, mas passa bem no hospital.

Segundo informações da Polícia Civil, Rozalba já planejava à dois meses o crime, e o principal motivo seria que ela havia perdido o bebê e não teria contado a família.

Ainda segundo informações, a suspeita disse que havia entrado em trabalho de parto dentro de um carro e alegou que o bombeiro havia cortado o braço da criança com um estilete, sem querer.

Após o crime bárbaro, postagens foram feitas nas redes sociais da acusada, compartilhando os relatos do sumiço de Flávia, postagens que estão recebendo comentários pedindo justiça: “Assassina” – diz um.

Reprodução: Facebook

O velório de Flávia Godinho Mafra deve ser realizado neste sábado pela manhã e seu sepultamento marcado para às 11h também de sábado. Ela deixa o marido, filha e seus pais.

Categorias:WEB RTV

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s